Saúde & bem-estar
Atualizado: 
Publicado: 
Leitura 
de 2 min

Dr. Fabio Neves da Silva

Cirurgião plástico - CRM-RJ 579180

Tudo o que você precisa saber sobre rinoplastia

Mulher sorrindo enquanto tocar o nariz de um homem

Nosso corpo é uma máquina incrível e todos os órgãos estão ligados de alguma forma, por isso ter uma boa respiração faz toda diferença na saúde. Além de importante na fisionomia humana, o nariz é a principal cavidade de acesso para nossa respiração. É ele que filtra e umidifica ar que respiramos e auxilia na ressonância da voz.

Seja por estética ou saúde, a rinoplastia é o sonho de muitas pessoas, mas para que ocorra tudo com segurança, é preciso fazer uma pesquisa mais a fundo sobre o procedimento, conhecer cada contraindicação e entender os possíveis riscos.

Pensando nisso, entenda como se preparar para a cirurgia de rinoplastia e um pós operatório seguro:

O que é rinoplastia

A rinoplastia compreende todas as cirurgias que buscam corrigir defeitos estéticos ou funcionais do nariz. Assim, a cirurgia pode ser mais ou menos complexa de acordo com os defeitos encontrados e dos procedimentos para corrigi-los. 

Com isso, existem duas formas de fazer a cirurgia que são classificadas como “aberta” ou “fechada”, de acordo com o posicionamento das incisões.

Contraindicações da rinoplastia

A rinoplastia é contraindicada para pacientes com as seguintes condições:

  • Diabetes
  • Problemas cardíacos
  • Doenças infecciosas
  • Hipertensão arterial (pressão alta)
  • Mulheres em período de amamentação
  • Problemas de coagulação sanguínea ou que estejam tomando anticoagulantes

AInda, a idade mínima para o procedimento de rinoplastia estética é de 17 anos. Essa medida é tomada pois nessa idade o desenvolvimento da face já está completo o que torna o procedimento mais seguro.

Riscos da rinoplastia

Todas as cirurgias envolvem algum tipo de complexidade, os riscos mais específicos da rinoplastia são:

  • Sangramento
  • Dor
  • Necroses de pele 
  • Infecções 
  • Perfuração de septo
  • Complicações da anestesia

Ainda assim, os riscos são muito baixos quando comparados aos mesmos riscos em cirurgias de outras regiões do corpo. Porém, o maior risco é do surgimento de problemas funcionais que prejudiquem a respiração.

Pós-operatório da rinoplastia

Um ponto importante é que a cirurgia é praticamente indolor, os pacientes usam um pequeno imobilizador externo por 7 dias e, após isso, os pontos são retirados. Na segunda semana apenas uma parte do nariz é coberta com fitas adesivas microporosas. Ao fim de duas semanas, já não se tem nada sobre o nariz.

O pós-operatório da rinoplastia exige cuidados externos como:

  • Alimentação: evite alimentos duros ou que causem esforço na mastigação;
  • Curativos: tenha cuidado com a tala que será utilizada por 7 dias e redobre o cuidado com curativo que permanecerá mais alguns dias;
  • Dor: normalmente, o processo de cicatrização é indolor, mas caso ocorra algum incômodo, os analgésicos mais indicados são o dipirona e o paracetamol;
  • Sangramento: um pequeno fluxo de sangue no pós-operatório é normal, por isso evite esforços físicos ou movimentos rápidos com a cabeça.

Além disso, nos pacientes em que foram feitas grandes abordagens no septo nasal podem necessitar o uso de “splints” de silicone no interior da cavidade por 3 a 7 dias. Os acessórios são confortáveis e não prejudicam a respiração. 

Leia também: Cirurgia plástica: cuidados no pós-operatório

Sinais de atenção após uma cirurgia de nariz

Logo após a cirurgia, já é recomendado que observe como o corpo se comporta, pois sangramento e dor intensa não são esperados e podem sinalizar que algo está fora da evolução normal. 

Tardiamente, caso haja o surgimento de desvios ou dificuldade para respirar, que não havia antes da cirurgia, será necessária uma revisão mais cuidadosa.

A cirurgia é feita apenas com fins estéticos?

A rinoplastia pode melhorar a estética do nariz mas defeitos funcionais podem e devem ser corrigidos isoladamente ou conjuntamente com os procedimentos estéticos.

A preocupação funcional é sempre a prioridade. Afinal, não adianta ter um belo nariz que não respira corretamente.

O procedimento pode causar problemas respiratórios posteriormente?

É possível que ocorra problemas respiratórios devido à cirurgia de rinoplastia, os mais comuns decorrem do estreitamento da passagem do ar após a redução do dorso nasal, porém procedimentos de estruturação do nariz devem ser feitos de forma a evitar estes problemas.

Um dos maiores medos dos pacientes é a possibilidade da perda de sensibilidade após a rinoplastia. Por isso é sempre importante lembrar que a cirurgia não compromete a  sensibilidade do nariz, mas,,caso ocorra, volte ao seu médico imediatamente e investigue o que pode ter ocorrido.

Quanto tempo demora para que os resultados sejam perceptíveis?

O edema (inchaço) do nariz se mantém por muitos meses. Muito embora os resultados sejam já perceptíveis após 30 ou 60 dias, a forma final do nariz ocorrerá apenas um ano após a cirurgia.

Caso tenha problemas respiratórios ou esteja insatisfeito com a estética do seu nariz, sempre procure médicos de confiança para aconselharem o melhor procedimento.

Quem escreve

Dr. Fabio Neves da Silva

Cirurgião plástico - CRM-RJ 579180

Dr. Fabio Neves da Silva é graduado em medicina pela Faculdade Federal Fluminense, doutor em Cirurgia Geral pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e pós-graduado em Cirurgia Plástica pela Clínica Fluminense de Cirurgia Plástica.